quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Sêmen na cozinha

Se alguém tiver coragem, pls, compartilhe sua experiência.
Clique djá

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Esse vinho promete...

18/11/2008
Franceses lançam 'Le Vin de Merde'

No sul da França, os fabricantes de vinho estão usando a má fama que têm de produzir bebidas de qualidade ruim para alavancar as vendas. E por incrível que pareça, a estratégia está dando certo.
Em Languedoc, no sul do País, os viticultores batizaram a garrafa de Le Vin de Merde, nome que poderia espantar o cliente. No entanto, o vinho rosé está agradando o paladar dos degustadores.
Para incrementar o comércio, os bares oferecem a degustação da bebida antes de mostrar o rótulo da garrafa. Outro fator que colabora para o sucesso de vendas é o preço. A garrafa é comercializada a 7 euros e os viticultores celebram o bom resultado: o estoque inteiro desse ano foi vendido.
Fonte: Academia do Vinho

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Mudando de opinião

Eu sempre estufei o peito pra falar que como de tudo. Mas depois que vi esse vídeo, mandado pela minha ex-boss Helo, mudei de opinião. Veja você mesmo.

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Almoço de domingo

Ando com muita preguiça de escrever aqui, mas não poderia deixar de registrar meu último almoço de domingo.
Local: Rio de Janeiro
Presentes: eu, mamis, bro + namo e família da namo
Menu:
- salada verde com cogumelos grelhados e baby tomates
- gazpacho de maxixe (receita da Mara Salles, do Tordesilhas) com vieiras grelhadas com sal de Guérande
- lichias recheadas com mousse de pato e gelatina de vinho de sobremesa (inspirada na receita de Helena Rizzo que publicamos na Menu de junho - Cozinha Sensual)
- carré de cordeiro assado com alecrim e raviolis verde e amarelos recheados com brie e passas (preparados pela mãe de namo de bro)
- chocolatinhos para finalizar

e as bebidas:
- Chandon nacional pra abrir os trabalhos
- Veuve Clicquot para salada e gazpacho
- Icewine Riesling Inniskillin para as lichias
- Almaviva 2005 para o cordeiro e massa

Claro que depois de tudo (cozinhar, beber e comer), tirei um cochilo de 7 horas! E acordei só pra ir para a cama.

Amo muito tudo isso.

quarta-feira, 3 de setembro de 2008

Religião e vinho

Que tal comprar o "sangue de Cristo" depois de confessar seus pecados? Segundo reportagem da BBC Brasil, a catedral de Birmingham, no norte da Inglaterra, prepara-se para abrir um bar de vinhos no local. A idéia, é claro, visa atrair mais fiéis à igreja anglicana e arrecadar mais fundos à paróquia.
Quem trará mais frutos? Será que o bar de vinhos baterá o desempenho do padre Marcelo Rossi com os católicos?
É uma boa disputa...

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Isso eu já sabia!

13/08/2008 - 16h33

Álcool 'torna as pessoas mais bonitas', indica estudo

Da BBC Brasil
Depois de uns copos de cerveja, as pessoas realmente começam a achar os outros mais bonitos, segundo um estudo feito por cientistas da Universidade de Bristol, no Reino Unido, e publicado na revista New Scientist.

A equipe liderada por Marcus Munafò, do Departamento de Psicologia Experimental, conduziu uma experiência com 84 alunos heterossexuais, pedindo que eles consumissem uma bebida não-alcoólica com sabor de limão ou uma bebida alcoólica com um sabor semelhante.

A quantidade de álcool variava de acordo com o indivíduo, mas foi calculada para ter o efeito que um copo de 250 ml de vinho teria em uma pessoa de 70 kg - ou seja, o suficiente para deixar parte dos alunos levemente embriagados.

Quinze minutos depois, os pesquisadores mostraram fotografias aos participantes de pessoas da sua idade, de ambos os sexos.

Tanto os homens como as mulheres que haviam consumido álcool avaliaram as pessoas retratadas como mais atraentes do que os participantes do grupo de controle (que tinham tomado a bebida sem álcool).

A New Scientist destaca como surpreendente o fato de que os resultados não se aplicaram apenas ao sexo oposto, ou seja, homens que haviam tomado álcool também consideraram os homens nas fotografias mais atraentes, assim como as voluntárias, em relação às mulheres fotografadas.

Esse último dado vai além dos resultados de um estudo anterior feito pela Universidade de Glasgow, na Escócia, no qual o efeito do álcool na percepção da beleza só havia sido verificado entre homens olhando para fotografias de mulheres e vice-versa.

Segundo a revista, Munafò pretende estudar como o efeito varia de acordo com a quantidade de álcool ingerida, embora, por questões éticas, não possa estudar o efeito de doses que fazem com que as pessoas não consigam mais focar nos rostos.

Um outro estudo citado pela revista, realizado na Universidade de Yale, indica que as pessoas também tendem a assumir comportamentos sexuais mais arriscados depois de beber, o que poderia ser explicado pelo fato de o álcool baixar as inibições das pessoas "por meio de um efeito direto no cérebro ou ao oferecer uma desculpa conveniente para esse tipo de comportamento".

domingo, 27 de julho de 2008

sábado, 19 de julho de 2008

Tequila sem shot



Um dos meus piores porres da vida foi com tequila. Essa brincadeira de virar e virar e virar me trouxe uma bela ressaca no dia seguinte. O negócio foi tão brabo que fiquei com bode da bebida. O bode só foi embora depois de uma aula que tive com Hugo, proprietário do restaurante Obá. Desde então, sei apreciar "o tequila" - como ele diz -, diferenciar os tipos e degustar com muito prazer. Para quem quiser também mudar seus conceitos sobre este magnífico destilado, entre os dias 24/7 e 3/8, o Obá promove a 3a Semana da Tequila, com degustações e cardápio elaborado pela Lourdes Hernández (mexicana fora de série). Serão 18 rótulos (14 deles 100% agave) para harmonizar com pratos como Tacos dorados de pollo - em salsa verde, crocantes, temperados e picantes (R$ 17) e Panucho de cochinita - tortilla suave recheada de feijão, servida com cochinita pibil e cebola roxa em escabeche, um pecado típico de Yucatán, com salsa habanera super picante (R$ 16).
O Obá fica na Rua Dr. Melo Alves, 205, nos Jardins. Tel.: (11) 3086-4774


terça-feira, 10 de junho de 2008

Afrodisíaco, mas nem tanto

Não deixa de ser curiosa a legenda de uma das fotos da matéria "Receitas afrodisíacas", do site Cyber Cook. Confira você mesmo:

Para ver a matéria completa, clique djá

segunda-feira, 9 de junho de 2008

Ainda sobre a pipoca moderna

No blog do meu amigo Katsuki, apareceu um post a respeito da "pipoca moderna", falando que não passa de uma boa montagem. Vale dar uma lida. Clique djá

terça-feira, 22 de abril de 2008

Qual é o cúmulo do jornalista de gastronomia?


Falar o dia todo de Ferran Adrià e jantar China in Box em pleno fechamento

segunda-feira, 31 de março de 2008

Por que o post da sálvia sumiu do blog...

Veja abaixo a reprodução do diálogo virtual entre mim e Dj Carlinhos, organizador da festa "University Party"

Primeiro post no meu Orkut, em 31/3, às 21h23

Olá Beatiz,

sou responsável pelo evento "University Party" evento que foi citado no seu blog na matéria referente a Droga Sálvia, (se isso pode se chamar de droga), gostaria a remoção imediata da matéria, ou do nome do meu evento que foi publicada no seu blog.

já entrei em contato com o Jorge (criador da matéria) caso ao contrario abrirei um processo contra os responsáveis pelos blog’s onde encontra-se a matéria.
estou no aguardo da remoção antes de qualquer atitude.


sem mais...


Segundo post no meu Orkut, em 31/3, às 21h31

ocê como jornalista antes de publicar algo na internet faça uma breve pesquisa, sei que não foi você que criou a materia, pois como está no seu blog isso pode me prejudicar.

não sei de onde esse o Jorge tirou essa essa conclusão, pois ele é dp Rio de Janeiro, o que tem haver co ma festa de São Roque ?

como assim citado na materia :

Um excelente local para o Denarc (Departamento de Narcóticos), de São Paulo, infiltrar seus agentes, se quiser chegar a alguns dos maiores fornecedores de drogas sintéticas da capital paulista.

se isso acontecer os responsaveis pelo prejuizo serão vocês 2.

a materia postada no seu blog já está em mãos de Advogado pra entra com uma ação.

antes de qual quer atitude de nossa parte gostaria da remoção imediata..

você como jarnalista você sabe que não tem nada haver o que está postado lá

se mais...

Minha resposta, em 31/3, às 23h49

olá, Dj Carlinhos.
Como vc pode ver, eu somente reproduzi a matéria do jornalista Jorge Antonio Barros. Eu trabalho com gastronomia, como vc deve ter visto, e minha intenção foi somente levantar a questão do uso da sálvia além da culinária. Para mim, não tenho interesse algum em falar sobre seu evento. Por isso, retirarei o post do meu blog. De qualquer forma, seria benéfico para você dar uma explicação maior sobre o fato, já que muitas pessoas tiveram acesso à notícia (eu mesma a achei na home do UOL). Se quiser usar meu blog para tal fim, estou à disposição.
Atenciosamente,
Beatriz

Aguardem cenas dos próximos capítulos...

sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

Eis o motivo da falta de atualização do blog...

Revista Menu de cara nova

Publicação da Editora 3, com novo logo, passa a ter lombada quadrada e maior alcance de olho em novos leitores

Renato Pezzotti

28/02 - 17:47

A equipe da Menu, que está de cara nova

A Menu, publicação da Editora 3 especializada em gastronomia, comemora seus dez anos de vida com cara nova. Com logotipia reformulada, a revista passa a ter mais páginas e lombada quadrada na busca de mais leitores. "Agora teremos como proposta apresentar uma revista que entre no mundo da gastronomia, com grandes matérias que também disponibilizem receitas para nossos leitores", explica Suzana Barelli, diretora de redação da publicação.

A edição de março já está no novo formato. Segundo José Bello, diretor nacional de publicidade da editora, "a mudança é estratégica para ampliar o alcance da publicação". A revista, que de acordo com dados do IVC de novembro de 2007 conta com cerca de 26 mil assinantes, terá no próximo mês uma estrutura de 82 páginas, sendo 20 páginas destas de publicidade.

Suzana - que foi, nos últimos quatro anos, da concorrente Prazeres da Mesa, de onde saiu como redatora-chefe - ainda conta que a revista pretende se firmar como uma publicação que 'forme opinião'. Para isso, contará ainda com seções fixas, como Notícias, Produtos Orgânicos e Etiqueta, além de oferecer duas novidades aos leitores. A primeira será o selo 'Menu Brasil', com matérias focadas em produtos nacionais. Já 'Romeu e Julieta' mostrará as visitas de um casal a restaurantes para mostrar suas impressões sobre a qualidade do que vai à mesa.

"A revista passa a alcançar novos leitores, que buscam mais serviços. Além disso, a lombada quadrada leva glamour à publicação, que poderá ser colecionada de forma mais fácil pelos leitores e assinantes", finaliza a diretora de redação.

segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

Na balada


Para quem acha ruim ficar na fila pra entrar na balada, que tal esperar 20 min num frio de -10ºC? Deliciiiiiiiinhaaaaa!

Mas todo frio e dedos dormentes sao esquecidos assim que botamos os pes no Circa, uma casa bem bacana na Toronto's Entertainement District. O lugar tem 3 andares (ate onde eu contei) e 3 pistas diferentes: uma principal (com DJs convidados), uma que toca hip hop eletronico (meio bizarro) e outra ala gay (a mais animada, sempre). Todos os tipos estao presentes: homo, hetero, clubbers, patricinhas... O ambiente eh bem moderno, com decoracao inusitada: um Bathroom Bar, um Cube VIP (sala envidracada com vista pra pista principal com sofas, TV de plasma e capacidade para 10 pessoas), um bar com objetos da Kidrobot (ate da pra comprar uns mimos), entre outras excentricidades (estou esperando as fotos do celular de namo par ilustrar melhor o post).

Assim que chegamos, Alison e eu fomos direto ao bar. Uma Smirnoff Ice foi um bom comeco pra mim, ja que tinhamos feito um pre-night - como diria meu irmao - na casa dela com muita batida de coco. Estavamos na pista principal e eis que comeca uma chuva de bolas inflaveis. Sim, uma chuva interminavel, ja que os presentes nao paravam de bombardear uns aos outros com as redondas. O episodio foi idiota, mas nao deixou de ser divertido.

Mal havia terminado minha bebida e Alison ja estava em busca de mais alcool. Tudo bem, la fui eu novamente. Vodca e club soda foi a minha pedida. Eis que estava nos ultimos goles e Alison resolve pedir mais um drinque. "Pqp, que ritmo eh esse?", logo pensei. Eu gosto de beber, mas nao queria ficar bebada tao rapidamente. Recusei o novo convite de Alison e deixei para beber mais tarde.

Eis minha ingenuidade... la pelas 2h30 da madruga fui me reabastecer no bar. Logo que fiz o pedido, naquela barulheira, a garconete me mostra uma lata de Red Bull e uma garrafa d'agua. "Porra, eu pedi uma vodca!". Repeti o gor'o solicitado e mais uma vez ela me mostrou as 2 bebidas. Ja estava quase mandando aquela p. praquele lugar ate que me avisaram: ninguem mais vende bebida alcoolica depois das 2!!! Tive de me contentar com a agua mesmo, ja que nem posso tocar em Red Bull (taquicardia na certa!).

Juro que nao acreditava que naquele lugar sensacional, com musica mto bacana nos 3 ambientes - a pista gay era a melhor, o povo eh bem mais animado e sempre eh legal ver umas mulheres se beijando e uns homens se esfregando - eu fiquei sem uma gota a mais de alcool pra completar minha felicidade. Alison sabia o que estava fazendo...

Ainda nao tenho fotos, mas da pra ter uma ideia no link a seguir:
http://www.bizbash.com/toronto/content/editorial/e9028.php

O site da balada ainda esta incompleto: http://circatoronto.com/home.html

quarta-feira, 16 de janeiro de 2008

Algo a se pensar


Estava conversando com minha tia e estranhei o fato do leite ser vendido ainda em saquinhos. Ela me disse que ha alguns anos tentaram implantar o leite longa vida, mas nao deu certo em terras canadenses. "Para que termos leite em caixinha, com mais conservantes, se podemos ter a versao natural? O que nao falta por aqui 'e vaca".
Bem, tia, no Brasil tambem nao falta vaca (em todos os sentidos), mas realmente eh quase impossivel achar leite no saquinho...

terça-feira, 15 de janeiro de 2008

China em TO

Sei que estou muito atrasada nas minhas atualizacoes, mas prometi que nao deixaria pra mais tarde minha ida a um restaurante chines em Toronto.


Namo estava contando que a China Town daqui, que fica na Spadina Ave., nao conta com uma comida sofisticada - os restaurantes continuam servindo a comida que trouxeram de seu pais natal, ha mais de 50 anos. Entao, para encontrar uma cozinha chinesa mais "atualizada", fomos a Richmond Hill, cidadezinha a nordeste de Toronto - demora uns 30 min de carro. Alison, nossa amiga chinesa, nos explicou que seus compatriotas comecaram a ocupar a cidade por pura supersticao: como tem o "rich" no nome, decidiram que seria um lugar prospero para morar. E por la se instalaram.


Alison nos levou ao restaurante Big Mouth Kee (280 West Beaver Creek Road, units L13, L15 - tel. 905 - 8818821), com comida tipica de Hong Kong, de amplo salao e um grande aquario no fundo, onde residiam nossos futuros peixes e frutos do mar. Cardapio em ingles? At'e que tinha. Mas e os "specials" do dia? So para quem fala a lingua. Estavam pendurados em varais ao longo do salao e so dava para reconhecer o preco. Seria ate que engracado escolher um prato no chute. Mas por sorte nossa amiga Alison 'e fluente em mandarim e nos ajudou muito na hora de escolher os pratos.

Nosso jantar foi de alto nivel: um caraguejo gigante cozido com gengibre e cebolinha deu para n'os tres e ainda sobrou! A carne estava suculenta, macia, no ponto. O gengibre deu uma quebrada no adocicado da carne, estava delicioso. Outro prato solicitado foi um cozido com tofu, carne de porco, pedacos de peixe (black fish), cogumelos japoneses e bok choy. Apesar da carne de porco estar um pouco ressecada, o peixe surpreendeu: levemente empanado e frito antes de entrar no cozido, estava umido por dentro, saindo em lascas, deliciosamente temperado com alho. Alias, muitos dentes de alhos fritos faziam parte do outro prato de acompanhamento, ao lado de folhas de ervilhas (foi o que Alison me explicou, mas ainda estou pesquisando a respeito!). Para acompanhar os pratos, somente cha!


Essa vida no frio e experimentando novas cozinhas ja me rendeu um quilo a mais!






quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

Matando a saudade de Arby's



Ca estou no Canada, e sem acentos!

Desde que cheguei por aqui, na segunda, tive refeicoes maravilhosas: comidinha caseira da minha tia com um toque americano (pure de batata com sour cream), um banquete preparado por sogrinha (que merece um post separado) e jantar vietnamita com namo e amigos (minha primeira vez num restaurante tipico desta cozinha).

Depois de tantos pratos ricos e aromaticos, resolvi abrir meu paladar para algo mais simples e, ao mesmo tempo, matar saudades da adolescencia. Destino: shopping center Square 1, praca de alimentacao, Arby's.

Isso mesmo: o velho e bom Arby's. Nao sou muito fa de fast food, mas sinto falta do Arby's. Lembro-me de quando passava tardes no shopping Ibirapuera com minha amiga Sabrina e depois nos deliciavamos com um sanduba de rosbife e molho barbecue.

Hoje o molho de barbecue ficou faltando, mas valeu a pena sentir o gostinho do rosbife bem temperadinho e das batatas curly - crocantes e picantes!

quinta-feira, 3 de janeiro de 2008

Primeira postagem do ano

"Nothing would be more tiresome than eating and drinking if God had not made them a pleasure as well as a necessity."
Voltaire